Crianças do Bom de Nota, Bom de Bola vão pela primeira vez ao teatro

Iniciativa foi realizada na última quarta-feira (17), durante a Feira do Livro de Ribeirão Preto

Neymar, Zico e Pelé. Machado de Assis, Pedro Bandeira e Ruth Rocha. O mundo do esporte parece distante da literatura, mas, na 15ª Edição da Feira do Livro de Ribeirão Preto, as crianças do “Bom de Nota, Bom de Bola” uniram os dois extremos.

11541154_867534946658064_826189252_nCom o sonho de brilhar com a bola nos pés, os alunos do projeto entraram no universo do faz de conta e aprenderam que esporte não é apenas ter sorte e que a literatura pode ser uma grande aventura.

Sobre supervisão do coordenador do projeto Evandro Silveira e da assistente social Lívia Mariussi, ambos da Associação Pró-Esporte e Cultura (APEC), 30 crianças do bairro Simioni foram até o Teatro Marista para participar da “Contação de Histórias – Homenagem a Ruth Rocha”, com apresentação da atriz Tânia Alonso.

“A maior parte dessas crianças nunca tiveram a oportunidade de ir ao teatro”, afirma Lívia. “Além disso, a contação de histórias abordou temas da realidade das crianças”, completa a assistente social.

O passeio, que foi realizado ontem (17) foi mais uma forma da APEC mostrar que ensina não só esporte, mas cultura, educação e lazer, que, segundo Lívia, são instrumentos fundamentais para a formação infantil.

Apoiado pela FIFA Footbal For Hope, o “Bom de Nota, Bom de Bola” é um projeto reconhecido internacionalmente que aposta na educação de crianças carentes por meio do esporte.