‘E de Escola, B de Bola – Ribeirão’ encerra atividades com muita festa e premiação

O projeto atendeu 240 crianças e adolescentes da rede estadual de ensino

O projeto “E de Escola, B de Bola” teve sua festa de encerramento realizada nesta sexta-feira (20), às 20h30, na Casa das Mangueiras, em Ribeirão Preto. A iniciativa beneficiou 240 alunos da rede pública, entre sete a 14 anos, com aulas gratuitas de futsal e handebol.

A festa de encerramento contou com a entrega dos “Bolotas”, boletim que avalia o desempenho das crianças bimestralmente, embasado nas notas, frequência e comportamento escolar. O elemento que sustenta essa avaliação é o “Controle de Talentos”. Cada aluno recebe cinco “talentos” no início das atividades, como incentivo. Seu objetivo é acumular “talentos” ao longo do ano letivo.

De acordo com o coordenador do projeto, Evandro Silveira, o projeto beneficiou não apenas os alunos, mas também os professores com as experiências vividas pelos jovens, que em sua maioria são de baixa renda.

“Nosso objetivo era estimular o desenvolvimento escolar de crianças e adolescentes carentes através da prática de esportes, e creio que o concluímos. Além disso, nossos professores aprenderam muito com os alunos, cada um tem sua particularidade, dificuldade e história, e isso é ótimo para o crescimento pessoal”, afirma.

O projeto

O “E de Escola, B de Bola Ribeirão Preto” utilizava a prática do esporte educacional junto com o acompanhamento escolar de cada criança. O projeto era viabilizado por meio da Lei Paulista de Incentivo ao Esporte, tinha como proponente o Instituto Quovis e contava com o patrocínio do Instituto Algar.